Biografia

| 1 de fevereiro de 2008


“I tried so hard and got so far, but in the end, it doesn't even matter. I had to fall to lose it all, but in the end, it doesn't even matter”. Se você não é surdo, com certeza já passou horas a fio com esse refrão ecoando na sua mente, seja lá qual for o estilo musical de sua preferência. Certas músicas têm esse poder e não há nada que possamos fazer. Felizmente, nesse caso, a qualidade da obra é indiscutível e repetir essa melodia é um prazer.

Os responsáveis por isso são os californianos do Linkin Park. A história do grupo começa por volta de 1996 e não foge do lugar comum: o vocalista Mike Shinoda, o guitarrista Brad Delson e o baterista Rob Bourbon eram amigos de colégio e resolveram montar uma banda. O ‘line up’, porém, já não é tão tradicional assim e traz, além do baixista Darren Farrel -mais conhecido como Phoenix- o segundo vocalista Chester Bennington e o DJ Joseph Hahn.

Após muitos ensaios, algumas apresentações e a produção de fitas demo ainda sob a alcunha de Hybrid Theory, assinam com a ‘major’ Warner Bros. e começam as gravações do primeiro álbum, não sem antes mudarem o nome da banda para Linkin Park.

Eis que no ano de 2000, chega às lojas de todo o planeta “Hybrid Theory”. O título era uma alusão ao passado, mas eles não imaginavam o que lhes era reservado para o futuro: A mistura de guitarras pesadas, hip hop, música eletrônica e melodias contagiantes agradaram tanto que o disco acabou sendo o mais vendido do ano atingindo hoje a exorbitante marca de oito milhões de cópias, somente nos Estados Unidos.

Hits como “Step One Closer”, “Points Of Authority”, “Crawling” e “In The End” -que traz na letra as palavras iniciais desse texto-, atingiram rapidamente o topo das paradas de vários países, e renderam diversos prêmios a eles, inclusive o de Artista de Rock Moderno, pela Billboard. A curiosidade fica por conta da bem elaborada arte gráfica, tanto no encarte, quanto no site oficial do Linking Park, que foi criada pelo vocalista Mike Shinoda, formado em Design Gráfico com mestrado em Ilustrações.

Após inúmeros e gigantescos shows, mostrando o incrível potencial que tem para apresentações ao vivo, o Linkin Park lança em 2002 “Reanimation”, que nada mais é do que uma compilação de novas versões e remixes de “Hybrid Theory”.

No ano seguinte chega o inédito “Meteora”, repetindo o mesmo sucesso do ‘debut’. O álbum segue a mesma linha de “Hybrid Theory” e os vídeos são ainda mais futuristas como em “Somewhere I Belong” e “Faint". Na divulgação de “Meteora”, a banda saiu em turnê ao lado do Metallica, Deftones e Limp Bizkit, na Summer Sanitarium Tour.

Em 2004 o Linkin Park deu início a um projeto ousado e despretensioso. A banda se apresentou no dia 18 de julho no Roxy Theatre, em Hollywood, ao lado do rapper Jay-Z em uma iniciativa da MTV. O show foi reunido no DVD “Collision Course”, trazendo além da apresentação ao vivo, um documentário dos bastidores e uma galeria de fotos. Parecerias como “Numb/Encore”, “Points Of Authority/99 Problems/One Step Closer” e Izzo/In The End” fazem parte da compilação. No mesmo ano foi lançado um CD com as mesmas músicas do show, gravadas em estúdio. Ainda em 2004 o Linkin Park se apresentou pela primeira vez no Brasil, fazendo um show em São Paulo.

Em 2005, Mike Shinoda, rapper da banda, anunciou o lançamento de um disco solo, O nome do Album e The Rising Tied O nome da banda de Hip Hop e Fort minor

Em 2007 a Linkin Park Lança o cd Minutes To Midnight no qual e o 6 mais vendido de 2007 e em 2007 a banda tambem começa a turne mundial do MTM

Em 2008 a banda dize que iria lançar um cd em 2009 vamos aguardar o lançamento


Para Biografia do resto da banda:

Mike Shinoda
Chester Bennigton
Brad Delson
Joe Hahn
Rob
Dave Michael

0 comentários: